Ano: 
2019
Categoria: 
Promoção da saúde da pessoa idosa (práticas corporais e atividades físicas, alimentação e nutrição, experiências inovadoras de educação em saúde etc.)
Região da Prática: 
Sudeste
Município: 
Rio de Janeiro
Instituição Responsável: 
Instituto de Neurologia Deolindo Couto
Coordenação da experiência: 
Clynton Lourenço Correa
Telefone institucional: 
(21) 3938-6539
Email da coordenação: 
clyntoncorrea@gmail.com
Qual a esfera da experiência?: 
Grupo B - Municípios
O que motivou a realização dessa experiência?: 
Motivados pelo grande desafio de desenvolver atividades sobre reabilitação na doença de Parkinson, nos diferentes eixos universitários, idealizamos e criamos em 21 de setembro de 2011 o GEDOPA - Grupo de Estudos na Doença de Parkinson. Como núcleo central da ideia que se materializava, estava a nossa convicção de que esses estudos deveriam ocorrer dentro de uma perspectiva interdisciplinar, abrangendo as áreas de conhecimento da Neurologia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Educação Física, Psicologia, Nutrição, Farmácia, Assistência Social, Fonoaudiologia e Enfermagem. Desde então, superando dificuldades e percorrendo uma trajetória de realizações, conseguimos consolidar com o GEDOPA um grupo competente e abnegado de profissionais que cumpre o importante papel de realizar ensino, pesquisa e extensão sobre a doença de Parkinson, contribuindo para o avanço do conhecimento científico e para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e familiares. O GEDOPA é uma instituição científica de função social, de base informal, que conta com a participação voluntária de pesquisadores, professores de graduação e de pós-graduação e alunos de graduação (iniciação científica), de pós-graduação e residentes, nos diferentes eixos acadêmicos, vinculado à UFRJ.
O que se esperava modificar ou realizar através da iniciativa?: 
Para o cumprimento de sua missão, o GEDOPA adota as seguintes diretrizes para o pleno exercício de suas atividades: Priorizar o estudo e discussão científicos nos avanços do conhecimento sobre a doença de Parkinson. Promover e realizar projetos sob a coordenação de um de seus membros, designados pela Coordenação do Grupo, sobre reabilitação na doença de Parkinson. Valorizar o trabalho interdisciplinar nas ações do GEDOPA, estimulando a iniciativa inovadora, a criatividade e a troca de experiências, no ensino, na pesquisa e na extensão. Promover o protagonismo dos idosos com doença de Parkinson valorizando o sentido da vida potencializando as habilidades e a participação social.
Descreva as metas para o desenvolvimento da experiência (de 1 a 4, no maximo): 
Meta 1: Educação em saúde com distribuição de cartilha sobre cuidados na doença de Parkinson
Meta 2: Protagonismo dos idosos na proposição e execução de diferentes atividades
Meta 3: Implementação de grupo multiprofissional para cuidados de pessoas com doença de Parkinson
Meta 4: Formar profissionais no nível stricto sensu (mestrado e doutorado) com vivência prática no acolhimento e atendimento terapêutico para pessoas com doença de Parkinson
Qual o perfil dos idosos envolvidos nessa experiência?: 
O perfil dos idosos envolvidos para participar da experiência são idosos de ambos os sexos, com diagnóstico clínico de doença de Parkinson ou parkinsonismo. O grupo de idosos participantes da experiência possui parkinsonismo
De que forma a experiência foi divulgada ao público?: 
As experiências são divulgadas por meio do sítio eletrônico e redes sociais e curso de extensão realizado mensalmente no Instituto de Neurologia Deolindo Couto,bem como, entrevista para a imprensa
Onde foi desenvolvida?: 
A experiência é desenvolvida no Instituto de Neurologia Deolindo Couto, município do Rio de Janeiro
Como os idosos foram selecionados para participar?: 
Os idosos participam do projeto por meio do encaminhamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) com regulamentação via SISREG para atendimento na área programática 02 do município do Rio de Janeiro. O acolhimento dos idosos inclui avaliação biopsicossocial
Quantos idosos pretendiam alcançar com essa experiência?: 
30
Quantos idosos participaram da experiência, por ano de atividade?: 
A experiência teve como meta alcançar 30 idosos atendidos com frequência semanal de 2 vezes por semana, durante 10 meses. Alcançamos o número de 30 idosos atendidos semanalmente durante 10 meses.
Ao final, ou até o momento, quantos idosos participaram da experiência?: 
46
Qual o principal motivo da saída dos idosos nas atividades da experência? Porque deixaram de participar?: 
Houve desistências devido à mudança de cidade, óbito, participação isolada somente no curso de extensão ou dificuldade de mobilidade urbana. Contudo, as vagas foram preenchidas com novos participantes.
Descreva detalhadamente como eram as atividades realizadas: 
O curso de extensão ocorre mensalmente com 8 edições ao ano. Vários profissionais da saúde (Assistente Social, Enfermeiro, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Neurologista, Psicólogo, Terapeuta Ocupacional) explicam para os participantes diferentes aspectos relacionados à doença de Parkinson contendo os seguintes eixos temáticos: informações clínicas sobre a doença de Parkinson; distúrbio do sono; distúrbios nutricionais; atuação da fonoaudiologia; atuação da fisioterapia; desempenho ocupacional; alterações cognitivas; cuidados da enfermagem; a importância de ser pessoa; direitos dos usuários. Os encontros acontecem toda terça-feira e a primeira quinta-feira de cada mês, duração de 1h30m cada encontro. Os participantes esclarecem as dúvidas com os profissionais. Atendimento integral da pessoa idosa com doença de Parkinson e parkinsonismo. A atividade ocorre semanalmente, 2 vezes por semana (terça-feira e quinta-feira), no turno da manhã no Instituto de Neurologia Deolindo Couto, localizado no campus da Praia Vermelha da UFRJ, Rio de Janeiro. O acolhimento dos idosos ocorre com a explicação do funcionamento do serviço e realização de avaliação biopsicossocial. Após a avaliação, os idosos são encaminhados para o atendimento de fisioterapia. Os atendimentos de fisioterapia consideram a gravidade da doença, a partir dos resultados das avaliações, sendo os idosos divididos em dois grupos para que as atividades possam ser executadas pelos idosos considerando a exequibilidade das atividades desafiadoras, sem causar frustrações. No mesmo espaço, após as condutas do fisioterapeuta, a equipe de psicologia conduz atividades que possam valorizar a vida e refletir sobre diferentes aspectos da existência humana. Além disso, a equipe de psicologia estimula a proposição de atividades dos idosos para que compreendam que cada um deles é um potencial agente transformador de suas vidas. Atividades são planejadas e executadas pelos idosos com o apoio dos profissionais, por exemplo, festas juninas, auto de Natal; atividades extra-muro, tais como visita à museu, praia, parques. O terapeuta ocupacional conduz atividades para estimular movimentos de destreza manual, mobilidade facilitando as atividades de vida diária. A equipe de neuropsicologia conduz atividades que estimulem as funções cognitivas dos idosos seja de concentração, função executiva e/ou memória. A formação de profissionais no nível stricto sensu ocorre toda terça-feira e quinta-feira pela manhã. Os idosos são atendidos pelos profissionais da saúde em formação acadêmica no nível de mestrado e doutorado em Educação Física. Além dos atendimentos, os projetos de pesquisa são executados nesse espaço terapêutico.
Descreva quais as dificuldades encontradas para realização das atividades.: 
As dificuldades encontradas para a execução das atividades é a limitação do espaço físico para realizar as atividades uma vez que, majoritariamente, as atividades são realizadas em grupo. Outra dificuldade é a manutenção dos espaços utilizados (rede elétrica, aparelhos de ar condicionado, infra-estrutura física).
Quais foram os resultados observados depois da implementação?: 
Os resultados observados que podem ser destacados são: 1) Atendimento integral da pessoa idosa, considerando a implementação de avaliação e atendimentos baseados nos aspectos biopsicossociais; 2) Mudança de atitude dos idosos perante à vida, compreendendo e lidando com desconforto físico, possíveis perdas das relações sociais, atividades financeiras, trabalho e lazer.
Descreva os resultados observados de acordo com as metas previstas: 
Resultados meta 1: Oferta de 8 cursos de extensão ao ano para a população com distribuição de cartilha sobre cuidados na doença de Parkinson
Resultados meta 2: Realização de eventos com participação ativa dos idosos (junina, Natal, atividades extra-muro)
Resultados meta 3: Participação de profissionais da saúde no curso de extensão
Resultados meta 4: Inserção de profissionais no nível stricto sensu (mestrado e doutorado) no acolhimento e atendimento terapêutico para pessoas com doença de Parkinson e produção intelectual
Descreva em forma de indicadores quantitativos (números, proporções, taxas) os resultados alcançados pela experiência.: 
Meta 1: Educação e Saúde na doença de Parkinson: Cuidando dos pacientes, familiares e cuidadores. Público-alvo participante: Pacientes/cuidadores/familiares: 46; discentes: 99; profissionais da saúde: 84 Meta 2: Acompanhamento de 30 idosos por ano, realização de 72 atendimentos presenciais para cada idoso, totalizando 2160 atendimentos para cada especialidade (fisioterapia, psicologia, neuropsicologia, terapia ocupacional). Considerando as quatro especialidades foram oferecidos 8640 (oito mil seiscentos e quarenta) atendimentos. Meta 3: Seleção de estagiários de psicologia e neuropsicologia, vinculados ao curso de graduação em Psicologia/UFRJ. Seleção de fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais no Programa de Pós-Graduação em Educação Física/UFRJ Meta 4: Oferta anual de vagas de mestrado e/ou doutorado vinculadas à linha de pesquisa do coordenador geral do GEDOPA. Publicação científica nos últimos 3 anos referente às atividades vinculadas à experiência: 1. PAZ, T. S. R.; SILVA, A. E. L.; MARTINS, N. I. M.; BRITTO, V. L. S.; LEITE, M. A. A.; CORREA, C.L. Congelamento da marcha e de membros superiores na doença de Parkinson. REVISTA BRASILEIRA DE NEUROLOGIA. , v.55, p.11 - 16, 2019. 2. PAZ, T. S. R.; BRITTO, V. L. S.; GUIMARAES, F. S.; CORREA, CL. Treadmill training and kinesiotherapy versus conventional physiotherapy in Parkinson’s disease: a pragmatic study. FISIOTERAPIA EM MOVIMENTO. , v.32, p.01 - 08, 2019. 3. de Paula, F.V.R.; LANA, R. C.; LOPES, L. K. R.; CARDOSO, F.; Lindquist, ARR; Piemonte, MEP; CORREA, CL; Israel, V.L.; MENDES, F.; LIMA, L. O. Determinants of the use of physiotherapy services among individuals with Parkinson's disease living in Brazil. Arquivos de Neuro-Psiquiatria (Online). , v.76, p.592 - 598, 2018. 4. MUNOZ, A.; CORREA, CL; BESADA, M. A. C.; LOPEZ, A.; RUIZ, M. C. D.; LABANDEIRA-GARCIA, J. L. Physical Exercise Improves Aging-Related Changes in Angiotensin, IGF-1, SIRT 1, SIRT3 and VEGF in the Substantia Nigra. JOURNALS OF GERONTOLOGY SERIES A-BIOLOGICAL SCIENCES AND MEDICAL SCIENCES. , v.00, p.00 - , 2018. 5. VIANNA, T. C.; BRITTO, V. L. S.; CORRÊA, C. L. Progressive Muscular Strength Protocol for the Functionality of Upper Limbs in Individuals with Parkinson’s disease: Protocol Study. International Journal of Physical Medicine and Rehabilitation. , v.5, p.1 - 6, 2017. 6. VIEIRA, G. P.; SOUZA, M. N.; Orsini, M.; LEITE, M. A. A.; CORREA, CL. Virtual reality for upper limbs in patients with Parkinson’s disease: protocol study. Neurology (E-Cronicon). , v.6, p.204 - 215, 2017. Capítulos de livros publicados 1. PAZ, T. S. R.; CORREA, T. V.; CORREA, C.L. Fortalecimento muscular na doença de Parkinson In: Programa de Atualização PROFISIO Fisioterapia Neurofuncional.1 ed.Porto Alegre: Artmed Panamericana, 2018, v.6, p. 09-46. Apresentação de trabalhos e palestras Apresentação de trabalho e palestra 1. CORREA, C.L. A medula espinal é influenciada pelo exercício físico em modelo animal da doença de Parkinson?, 2019. (Conferência ou palestra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Neurociências, Doença de Parkinson, neurobiologia do exercício Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional,Neurociências Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Campus Valonguinho; Cidade: Niterói; Evento: Seminários em Biociências da Pós-Graduação em Neurociências; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal Fluminense 2. OLIVEIRA, B. F. Z.; SILVA, R. V.; SILVA, J. C.; CORREA, C.L.; BRITTO, V. L. S. Atendimento interprofissional na doença de Parkinson: Proposta de produção de um livro, 2018. (Congresso,Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, Equipe Multiprofissional, Educação em saúde Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: V Congresso Nacional de Fisioterapia; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 3. PAZ, T. S. R.; SILVA, R. V.; OLIVEIRA, B. F. Z.; SILVA, J. C.; CORREA, C.L.; BRITTO, V. L. S. Atendimento interprofissional na doença de Parkinson: proposta de produção de um livro, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Educação em saúde, Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 4. ALBUQUERQUE, A. P.; SILVA, A. E. L.; BRITTO, V. L. S.; CORRÊA, C. L. Avaliação da funcionalidade dos membros superiores nos pacientes com doença de Parkinson do subtipo rígido-acinético com e sem congelamento da marcha, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Avaliação, Doença de Parkinson, comportamento motor Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 5. SILVA, A. E. L.; DE-FREITAS, P. R.; LEITE, M. A. A.; MICHAELSEN, S. M.; SWAROWSKY, A.; CORREA, C.L. CAPACIDADE FUNCIONAL DOS MEMBROS SUPERIORES EM INDIVÍDUOS SAUDÁVEIS E COM DOENÇA DE PARKINSON, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, Capacidade Funcional, membros superiores Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos da doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 6. LOURENCO, E. M.; FIUZA, A. M.; SILVA, W.; Reis, M.S.; CORREA, C.L. Capacidade funcional e variabilidade da frequência cardíaca na doença de Parkinson, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Doença de Parkinson, Disautonomia, Variabilidade da Frequência Cardíaca Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. Meio de divulgação: Impresso; Local: Centro de Convenções Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 7. OLIVEIRA, S. S.; SANTOS, A. S.; VASCONCELLOS, L. F. R.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Caracterização das disfunções urinárias de pacientes com doença de Parkinson, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Disfunção urinária, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenções Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 8. PAZ, T. S. R.; GUIMARAES, F. S.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Comparação entre treino de esteira e cinesioterapia versus fisioterapia convencional na doença de Parkinson: estudo pragmático, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: fisioterapia (especialidade), exercício, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 9. SILVA, A. E. L.; DE-FREITAS, P. R.; LEITE, M. A. A.; MICHAELSEN, S. M.; SWAROWSKY, A.; CORREA, C.L. Congelamento da marcha e funcionalidade dos membros superiores na doença de Parkinson, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: congelamento da marcha, membros superiores, Avaliação, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenções Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 10. SILVA, R. V.; OLIVEIRA, B. F. Z.; MORAES, L. R.; VASCONCELLOS, L. F. R.; CORREA, C.L. Educação e saúde na doença de Parkinson: Conscientizando pacientes, familiares e cuidadores, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Educação em saúde, Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 11. SILVA, R. V.; MORAES, L. R.; OLIVEIRA, B. F. Z.; MILAGRES, E. A. N.; VIANA, S. M. P. O.; OLIVEIRA, V. D.; VASCONCELLOS, L. F. R.; MORAM, C. B. M.; VALVIESSE, K. S. P.; REBELLATO, C.; SOUZA, A. C.; TAVARES, J. N.; GUIMARAES, E. R. B.; BAIOCCHI, T.; CORRÊA, C. L.; BRITTO, V. L. S. Educação e saúde na doença de Parkinson: cuidando dos pacientes, familiares e cuidadores: dados preliminares, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Educação em saúde, Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 12. PAZ, T. S. R.; SILVA, R. V.; OLIVEIRA, B. F. Z.; SILVA, J. C.; CORREA, C.L.; BRITTO, V. L. S. Educação e saúde na doença de Parkinson: cuidando dos pacientes, familiares e cuidadores: dados preliminares, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Educação em saúde, Doença de Parkinson, Equipe Multiprofissional Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na Doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 13. SILVA, R. V.; OLIVEIRA, B. F. Z.; MORAES, L. R.; CORREA, C.L.; VILHENA, M. E. C. R.; GUIMARAES, E. R. B.; MONTEAGUDO, P. M.; BRITTO, V. L. S. Educação e saúde na doença de Parkinson: cuidando dos pacientes, familiares e cuidadores: dados preliminares, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Educação em saúde, Fisioterapia, Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: V Congresso Nacional de Fisioterapia; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 14. SILVA, M. F. B.; SANTOS, S. C. M.; MAIOR, L. B. S.; SILVA, K. C.; FERREIRA, G. R.; BRITTO, V. L. S.; CORRÊA, C. L. Educação em saúde: um relato de experiência sobre as atividades desenvolvidas pela equipe multiprofissional em pacientes com doença de Parkinson, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Equipe Multiprofissional, Educação em saúde, Doença de Parkinson Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 15. ROCHA, R.; SILVA, W.; GOMES, C. A. B.; CORREA, C.L.; ALLODI, S. Efeitos da 6 hidroxidopamina em células neurais do caranguejo Ucides cordatus, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Sistema FIRJAN; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: III Prêmio Científico Evandro R. de Britto; Inst.promotora/financiadora: Conselho Regional de Biologia - 02 16. GOMES, C. A. B.; SILVA, W.; CORRÊA, C. L.; ALLODI, S. Efeitos da 6-hidroxidopamina em marcadores fenotípicos de células gliais do caranguejo Ucides cordatus, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Neurobiologia Áreas do conhecimento: Neurociências Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 17. MARTINS, L. A.; OLIVEIRA, K. F.; SILVA, W.; VITORINO, L. C.; ALLODI, S.; CORRÊA, C. L. Efeitos do exercício físico sobre células gliais em modelo animal da doença de Parkinson bilateral, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: neurobiologia do exercício, Neurociência, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 18. CHAVES-DA-SILVA, P. G.; MENEZES, M. P. C.; MARTINS, L. A.; DINIZ, A. L.; OLIVEIRA, K. F.; SILVA, W.; CORREA, C.L.; ALLODI, S. EFFECTS OF EXERCISE ON PERIPHERAL BLOOD CELLS IN ANIMAL MODEL OF PARKINSON´S DISEASE INDUCED BY 6-HYDROXYDOPAMINE, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: modelo animal, Doença de Parkinson, Neurodegeneração Áreas do conhecimento: Neurociências Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Maksoud Hotel; Cidade: São Paulo; Evento: XIX Congress of the Brazilian Society for Cell Biology; Inst.promotora/financiadora: Sociedade Brasileira de Biologia Celular 19. VITORINO, L. C.; FERREIRA, K.; SILVA, W.; CORREA, C.L.; ALLODI, S. EFFECTS OF PHYSICAL EXERCISE ON THE STRIATAL GLIA IN A BILATERAL MODEL OF PARKINSON'S DISEASE, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: neurobiologia do exercício, Neurociência, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Neurociências,Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Maksoud Hotel; Cidade: São Paulo; Evento: XIX Congress of Brazilian Society for Cell Biology; Inst.promotora/financiadora: Sociedade Brasileira de Biologia Celular 20. VITORINO, L. C.; OLIVEIRA, K. F.; SILVA, W.; GOMES, C. A. B.; CORREA, C.L.; S. Allodi. Effects of physical exercise on the striatal glia in a bilateral model of Parkinson's disease, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: neurobiologia do exercício, modelo animal, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Neurociências,Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Campos de Jordão; Cidade: Campos de Jordão; Evento: XXXIII Reunião Anual da Fesbe; Inst.promotora/financiadora: Federação de Sociedades de Biologia Experimental 21. GOMES, C. A. B.; WAJSENZON, I. J. R.; SANTOS, R. R.; SILVA, W.; CORREA, C.L.; ALLODI, S. EFFECTS OF 6-HIDROXIDOPAMINE ON NEURAL CELLS IN THE CRAB UCIDES CORDATUS, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Neurociência, Neurodegeneração, Biologia celular Áreas do conhecimento: Neurociências Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Maksoud Hotel; Cidade: São Paulo; Evento: XIX Congress of the Brazilian Society for Cell Biology; Inst.promotora/financiadora: Sociedade Brasileira de Biologia Celular 22. PAZ, T. S. R.; ARAUJO, D. F. G. H.; BRITTO, V. L. S.; Israel, V.L.; SWAROWSKY, A.; CORREA, C.L. Força de preensão manual em pacientes com doença de Parkinson, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: força muscular, membros superiores, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. Meio de divulgação: Impresso; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 23. VIANNA, T. C.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Fortalecimento muscular na funcionalidade dos membros superiores na doença de Parkinson: Estudo Piloto, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: força muscular, membros superiores, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 24. CORREA, T. V.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Fortalecimento muscular progressivo na funcionalidade dos membros superiores na doença de Parkinson: estudo piloto, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, exercício, fisioterapia neurofuncional Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na Doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 25. PAZ, T. S. R.; ARAUJO, D. F. G. H.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Função manual em pacientes com e sem congelamento da marcha com doença de Parkinson, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: membros superiores, Doença de Parkinson, Avaliação Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na Doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 26. ALBUQUERQUE, A. P.; SILVA, A. E. L.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L. Funcionalidade de membros superiores no subtipo rígido-acinético com e sem congelamento, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: membros superiores, funcionalidade, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 27. MONTEAGUDO, P. M.; SOUZA, A. C.; VALVIESSE, K. S. P.; BRITTO, V. L. S.; CORRÊA, C. L. Impacto das práticas da psicologia clínica transdisciplinar na performance profissional e formação do fisioterapeuta, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 28. MONTEAGUDO, P. M.; SOUZA, A. C.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, C.L.; VALVIESSE, K. S. P. Impacto de práticas de psicologia clínica transdisciplinar na performance profissional do fisioterapeuta, 2018. (Congresso,Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Equipe Multiprofissional, fisioterapia (especialidade), Doença de Parkinson, Psicologia Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 29. MENEZES, M. P. C.; MARTINS, L. A.; OLIVEIRA, K. F.; SILVA, W.; CHAVES-DA-SILVA, P. G.; CORRÊA, C. L.; ALLODI, S. Influência do exercício físico no percentual de leucócitos em modelo animal da doença de Parkinson, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: neurobiologia do exercício, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: IX Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 30. CORREA, CL. Parkinson: Mitos e verdades, 2018. (Conferência ou palestra,Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, Neurociência, doenças neurológicas Referências adicionais: Brasil/Português; Cidade: Niterói; Evento: Parkinson: mitos e verdades; Inst.promotora/financiadora: Loja Maçônica Francisco Murilo Pinto 31. ARAUJO, D. F. G. H.; SILVA, A. E. L.; NOGUEIRA, L.; WEINTRAUB, D.; CORREA, C.L. Questionnaire for Impulsive-Compulsive disorders in Parkinson's disease - Rating Scale Versão Brasileira, 2018. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Transtornos de impulsão, Avaliação, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Convenção Florianópolis; Cidade: Florianópolis; Evento: V Congresso Brasileiro de Fisioterapia Neurofuncional; Inst.promotora/financiadora: Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional 32. SILVA, A. E. L.; SWAROWSKY, A.; CORREA, C.L. Validade e confiabilidade do TEMPA em indivíduos com a doença de Parkinson, 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Avaliação, Doença de Parkinson, membros superiores Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos da Doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 33. ARAUJO, D. F. G. H.; WEINTRAUB, D.; SILVA, A. E. L.; NOGUEIRA, L.; CORREA, C.L. Versão portuguesa-brasileira do Questionnaire for Impulsive Compulsive Disorders in Parkinson's disease - rating scale (QUIP-RS), 2018. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: avaliação geriátrica, Doença de Parkinson Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Instituto de Biociências; Cidade: Rio Claro; Evento: VI Jornada de Estudos na Doença de Parkinson; Inst.promotora/financiadora: Universidade do Estado de São Paulo 34. OLIVEIRA, B. F. Z.; SILVA, R. V.; CORRÊA, C. L.; BRITTO, V. L. S. Atendimento interdisciplinar na doença de Parkinson: proposta de produção de um livro, 2017. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson, Educação em saúde Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: VIII Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 35. PAZ, T. S. R.; ARAUJO, D. F. G. H.; GAMA, M. P.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, CL. Correlation between handgrip strength and dexterity in freezers and non-freezers with Parkinson's disease, 2017. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, força muscular, Avaliação, fisioterapia neurofuncional Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Eventos FIERGS; Cidade: Porto Alegre; Evento: World Congress on Brain, Behavior and Emotions; Inst.promotora/financiadora: Instituto de Neurociências Integradas 36. SILVA, R. V.; OLIVEIRA, B. F. Z.; MORAES, L. R.; ARAUJO, U. B.; LIMA, C. F. S.; MARIANO, M. R.; TEIXEIRA, M. L. O.; CORRÊA, C. L.; COSTA, D. G.; WIGG, C.; BRANCO, E. M. S. C.; SILVA, R. D. B.; SARDENBERG, B. A.; TRINDADE, A. A.; BRITTO, V. L. S. Educação e saúde na doença de Parkinson: cuidando dos pacientes, familiares e cuidadores: dados preliminares, 2017. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Equipe Multiprofissional, Doença de Parkinson, Educação em saúde Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: VIII Semana de Integração da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 37. MARTINS, L. A.; SILVA, W.; ROMAO, L. F.; OLIVEIRA, K. F.; ALLODI, S.; CORRÊA, C. L. Estudo de confiabilidade do teste da haste em modelo animal da doença de Parkinson bilateral, 2017. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: modelo animal, Doença de Parkinson, comportamento motor Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional,Neurociências Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: VIII Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 38. GUSMAO, M. G. V.; BRITTO, V. L. S.; GAMA, M. P.; CORRÊA, C. L.; ALLODI, S. Estudo pragmático da abordagem multiprofissional em pacientes com doença de Parkinson: acompanhamento de 1 ano, 2017. (Outra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, Avaliação, Equipe Multiprofissional Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Ciências da Saúde; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: VIII Semana de Integração Acadêmica da UFRJ; Inst.promotora/financiadora: Universidade Federal do Rio de Janeiro 39. LOURENCO, E. M.; BRITTO, V. L. S.; Reis, M.S.; CORREA, CL. Fórmula preditiva do consumo de oxigênio versus teste cardiopulmonar na doença de Parkinson, 2017. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Doença de Parkinson, Avaliação, teste de exercício cardiopulmonar Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Eventos FIERGS; Cidade: Porto Alegre; Evento: World Congress on Brain, Behavior and Emotions; Inst.promotora/financiadora: Instituto de Neurociências Integradas 40. CORREA, CL. Fortalecimento muscular na doença de Parkinson: rediscussão, 2017. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, fisioterapia neurofuncional, força muscular Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Hotel Windsor Barra; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: Congresso da Associação de Neurologia do Estado do Rio de Janeiro; Inst.promotora/financiadora: Associação de Neurologia do Estado do Rio de Janeiro 41. PAZ, T. S. R.; ARAUJO, D. F. G. H.; GAMA, M. P.; BRITTO, V. L. S.; CORREA, CL. Função manual em pacientes congelantes e não congelantes com doença de Parkinson, 2017. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Doença de Parkinson, força muscular Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Hotel Windsor Barra; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: Congresso da Associação de Neurologia do Estado do Rio de Janeiro; Inst.promotora/financiadora: Associação de Neurologia do Estado do Rio de Janeiro 42. LOURENCO, E. M.; ARAUJO, D. F. G. H.; SILVA, A. E. L.; WEINTRAUB, D.; CORREA, CL. Tradução, adaptação transcultural e investigação de propriedades de medida da versão postuguesa-brasileira do Questionnaire for Impulsive-Compulsive disorders in Parkinson's disease - rating Scale (QUIP-RS), 2017. (Congresso, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, Transtorno impulsivo-compulsivo, estudos de validação Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Centro de Eventos FIERGS; Cidade: Porto Alegre; Evento: World Congress on Brain, Behavior and Emotions; Inst.promotora/financiadora: Instituto de Neurociências Integradas 43. CORREA, CL. Treinamento resistido em membros superiores na doença de Parkinson, 2017. (Conferência ou palestra, Apresentação de Trabalho) Palavras-chave: Doença de Parkinson, exercício, Avaliação, membros superiores Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português; Local: Catete; Cidade: Rio de Janeiro; Evento: 42a Semana Científica Cultural; Inst.promotora/financiadora: Laureate International Universities. IBMR Orientações de mestrado concluídas Orientações e supervisões concluídas Dissertações de mestrado: orientador principal 1. Samantha Sabino de Oliveira. Comportamento motor em pacientes com ou sem disfunção urinária na doença de Parkinson. 2019. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: Doença de Parkinson, Disfunção urinária, comportamento motor Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 2. Érica Miranda dos Santos Lourenço. CAPACIDADE FUNCIONAL E VARIABILIDADE DA FREQUÊNCIA CARDÍACA NA DOENÇA DE PARKINSON. 2018. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: Doença de Parkinson, Avaliação, Variabilidade da Frequência Cardíaca Áreas do conhecimento: Fisioterapia e Terapia Ocupacional Referências adicionais: Brasil/Português. 3. Valéria de Fátima Soares Marques Coelho. Funções executiva e manual na doença de Parkinson. 2018. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Avaliação, Classificação Internacional de Funcionalidade Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 4. Aline Souza dos Santos. Avaliação em pacientes com doença de Parkinson. 2017. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Referências adicionais: Brasil/Português. 5. Thais Vianna Corrêa. Efeitos do treinamento de força muscular em membros superiores de pacientes com doença de Parkinson. 2017. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: Doença de Parkinson, atividade física, fisioterapia neurofuncional Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 6. Thiago da Silva Rocha Paz. FUNÇÃO MANUAL EM PACIENTES COM E SEM CONGELAMENTO DA MARCHA COM DOENÇA DE PARKINSON. 2017. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro<br/>Inst. financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Palavras-chave: Doença de Parkinson, fisioterapia neurofuncional, força muscular, cinesioterapia Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 7. Daniela Freitas Guerra Henrique de Araújo. Tradução, adaptação transcultural e análise de algumas propriedades de medidas da versão brasileira do Questionnaire for Impulsive-Compulsive Disorders in Parkinson's disease – Rating Scale (QUIP-RS). 2017. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: Doença de Parkinson, avaliação geriátrica Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 8. Ana Elisa Lemos Silva. Validação do TEMPA em pacientes com doença de Parkinson. 2016. Dissertação (Educação Física) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: fisioterapia neurofuncional, Capacidade Funcional Referências adicionais: Brasil/Português. Teses de doutorado: orientador principal 1. Gisele de Paula Vieira. O uso da realidade virtual não-imersiva na funcionalidade de membros superiores em pacientes com doença de Parkinson. 2018. Tese (Medicina (Neurologia)) - Universidade Federal Fluminense Referências adicionais: Brasil/Português. Monografias de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização 1. Aline Procópio de Albuquerque. Funcionalidade de membros superiores no subtipo rígido-acinético com e sem fenômeno de congelamento na doença de Parkinson. 2019. Monografia (Residência Multiprofissional em Saúde do HUCFF) - Universidade Federal do Rio de Janeiro Palavras-chave: Doença de Parkinson, membros superiores, funcionalidade Áreas do conhecimento: Fisioterapia neurofuncional Referências adicionais: Brasil/Português. 2. Vinícius da Silva Carvalho. Abordagem multiprofissional em atividade de grupo em pacientes com doença de Parkinson: estudo pragmático. 2018. Monografia (Residência Multiprofissional em Saúde do HUCFF) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Existe equipe responsável pelo monitoramento/avaliação da experiência?: 
Sim
Com que frequência se reúne?: 
Mensal, semestral ou anual
Quais os pontos positivos da experiência?: 
Execução de atividades terapêuticas envolvendo diferentes profissionais da saúde no mesmo espaço, sem imposição das barreiras físicas.
Quais as limitações da experiência?: 
Outras atividades que foram idealizadas não puderam ser implementadas devido à limitação do espaço físico para a oferta das atividades, por exemplo, dança e canto.
2019
-
Sudeste
Atuação multiprofissional na doença de Parkinson
Introdução
Motivados pelo grande desafio de desenvolver atividades sobre reabilitação na doença de Parkinson, nos diferentes eixos universitários, idealizamos e criamos em 21 de setembro de 2011 o GEDOPA - Grupo de Estudos na Doença de Parkinson. Como núcleo central da ideia que se materializava, estava a nossa convicção de que esses estudos deveriam ocorrer dentro de uma perspectiva interdisciplinar, abrangendo as áreas de conhecimento da Neurologia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Educação Física, Psicologia, Nutrição, Farmácia, Assistência Social, Fonoaudiologia e Enfermagem. Desde então, superando dificuldades e percorrendo uma trajetória de realizações, conseguimos consolidar com o GEDOPA um grupo competente e abnegado de profissionais que cumpre o importante papel de realizar ensino, pesquisa e extensão sobre a doença de Parkinson, contribuindo para o avanço do conhecimento científico e para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e familiares. O GEDOPA é uma instituição científica de função social, de base informal, que conta com a participação voluntária de pesquisadores, professores de graduação e de pós-graduação e alunos de graduação (iniciação científica), de pós-graduação e residentes, nos diferentes eixos acadêmicos, vinculado à UFRJ.
Objetivos
Para o cumprimento de sua missão, o GEDOPA adota as seguintes diretrizes para o pleno exercício de suas atividades: Priorizar o estudo e discussão científicos nos avanços do conhecimento sobre a doença de Parkinson. Promover e realizar projetos sob a coordenação de um de seus membros, designados pela Coordenação do Grupo, sobre reabilitação na doença de Parkinson. Valorizar o trabalho interdisciplinar nas ações do GEDOPA, estimulando a iniciativa inovadora, a criatividade e a troca de experiências, no ensino, na pesquisa e na extensão. Promover o protagonismo dos idosos com doença de Parkinson valorizando o sentido da vida potencializando as habilidades e a participação social.
Metas
  1. Meta 1: Educação em saúde com distribuição de cartilha sobre cuidados na doença de Parkinson
  2. Meta 2: Protagonismo dos idosos na proposição e execução de diferentes atividades
  3. Meta 3: Implementação de grupo multiprofissional para cuidados de pessoas com doença de Parkinson
  4. Meta 4: Formar profissionais no nível stricto sensu (mestrado e doutorado) com vivência prática no acolhimento e atendimento terapêutico para pessoas com doença de Parkinson
Público alvo
O perfil dos idosos envolvidos para participar da experiência são idosos de ambos os sexos, com diagnóstico clínico de doença de Parkinson ou parkinsonismo. O grupo de idosos participantes da experiência possui parkinsonismo
Divulgação
As experiências são divulgadas por meio do sítio eletrônico e redes sociais e curso de extensão realizado mensalmente no Instituto de Neurologia Deolindo Couto,bem como, entrevista para a imprensa
Número de participantes
46
Atividades
O curso de extensão ocorre mensalmente com 8 edições ao ano. Vários profissionais da saúde (Assistente Social, Enfermeiro, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Neurologista, Psicólogo, Terapeuta Ocupacional) explicam para os participantes diferentes aspectos relacionados à doença de Parkinson contendo os seguintes eixos temáticos: informações clínicas sobre a doença de Parkinson; distúrbio do sono; distúrbios nutricionais; atuação da fonoaudiologia; atuação da fisioterapia; desempenho ocupacional; alterações cognitivas; cuidados da enfermagem; a importância de ser pessoa; direitos dos usuários. Os encontros acontecem toda terça-feira e a primeira quinta-feira de cada mês, duração de 1h30m cada encontro. Os participantes esclarecem as dúvidas com os profissionais. Atendimento integral da pessoa idosa com doença de Parkinson e parkinsonismo. A atividade ocorre semanalmente, 2 vezes por semana (terça-feira e quinta-feira), no turno da manhã no Instituto de Neurologia Deolindo Couto, localizado no campus da Praia Vermelha da UFRJ, Rio de Janeiro. O acolhimento dos idosos ocorre com a explicação do funcionamento do serviço e realização de avaliação biopsicossocial. Após a avaliação, os idosos são encaminhados para o atendimento de fisioterapia. Os atendimentos de fisioterapia consideram a gravidade da doença, a partir dos resultados das avaliações, sendo os idosos divididos em dois grupos para que as atividades possam ser executadas pelos idosos considerando a exequibilidade das atividades desafiadoras, sem causar frustrações. No mesmo espaço, após as condutas do fisioterapeuta, a equipe de psicologia conduz atividades que possam valorizar a vida e refletir sobre diferentes aspectos da existência humana. Além disso, a equipe de psicologia estimula a proposição de atividades dos idosos para que compreendam que cada um deles é um potencial agente transformador de suas vidas. Atividades são planejadas e executadas pelos idosos com o apoio dos profissionais, por exemplo, festas juninas, auto de Natal; atividades extra-muro, tais como visita à museu, praia, parques. O terapeuta ocupacional conduz atividades para estimular movimentos de destreza manual, mobilidade facilitando as atividades de vida diária. A equipe de neuropsicologia conduz atividades que estimulem as funções cognitivas dos idosos seja de concentração, função executiva e/ou memória. A formação de profissionais no nível stricto sensu ocorre toda terça-feira e quinta-feira pela manhã. Os idosos são atendidos pelos profissionais da saúde em formação acadêmica no nível de mestrado e doutorado em Educação Física. Além dos atendimentos, os projetos de pesquisa são executados nesse espaço terapêutico.
Resultados
Os resultados observados que podem ser destacados são: 1) Atendimento integral da pessoa idosa, considerando a implementação de avaliação e atendimentos baseados nos aspectos biopsicossociais; 2) Mudança de atitude dos idosos perante à vida, compreendendo e lidando com desconforto físico, possíveis perdas das relações sociais, atividades financeiras, trabalho e lazer.

Ficha técnica

Município:
Rio de Janeiro
Instituição Responsável:
Instituto de Neurologia Deolindo Couto
Coordenação da experiência:
Clynton Lourenço Correa
Email da coordenação:
clyntoncorrea@gmail.com
Telefone institucional:
(21) 3938-6539
Esfera da experiência:
Grupo B - Municípios
Categoria da experiência:
Promoção da saúde da pessoa idosa (práticas corporais e atividades físicas, alimentação e nutrição, experiências inovadoras de educação em saúde etc.)
Fotos:

Coordenação de Saúde da Pessoa Idosa/DAPES/SAS/MS
Telefone: (61) 3315-6226
idoso@saude.gov.br